Daily Archives: 23/12/2007

Boas Festas a todos

Padrão

Esta tempada não fisse muita vida social virtual, nem da outra.

Estive, coma umha anacoreta, comtemplando o mundo desde a minha janela. Desde alí, vejo cousas formosas e disfruto fazendo as cousas que fazia quando era umha meninha que escuitava contos com paixão.

Quero deixar-vos a minha visão infantil do mundo que vejo pola janela e desejar-vos a todos os amigos, Felices Festas:

As árvores da beira do rio

Umha pólinha do azivinho que plantei o ano passado, por este tempo

O rio. Desde pequeninha sinto fascinação por ele.

É tempo de Natal, de crianças, de sonhos…O que não seja como umha criança não poderá entrar no reino de Deus. Ese reino de Deus que fica em nosso coração quando somos felizes…Prendamos a vela, e as luzes de colores, para celebrar que nasce o meninho solar que ha de quentar a terra para que floresça.